Publicado em: ter, maio , 2017

Visita de Marconi Perillo em Jaraguá foi para trazer anúncio, e não obras


A visita do governador Marconi Perillo (PSDB) em Jaraguá na tarde desta segunda-feira (15) foi tímida e sem muito vulto. Esperava que o governador trouxesse números e prazo para entrega dos recursos, o que não aconteceu.

Segundo o governador, falando para dezenas de prefeitos do Vale do São Patrício, os recursos na ordem R$ 75 milhões que serão fatiados para os municípios deve contemplar Jaraguá com algumas obras estruturantes, como programas de asfaltamento do Primavera III e do Residencial Santa Fé.

Segundo Marconi, a estadualização do Hospital Municipal Dr. Sandino de Amorim deve passar pela administração da OS até no segundo semestre, quando a empresa vencedora da licitação irá assumir o hospital.

O prefeito Zilomar Oliveira (PSDB) não relatou em detalhes sobre os projetos que devem ser apresentados para a liberação do recurso, já que somente oito (8) municípios estão aptos a receberem as pactuações do Goiás na Frente.

Contradizendo o que disse em outra visita em Jaraguá, quando foi questionado se as obras da cadeia pública seriam retomadas, já que estavam paradas, respondendo que não há obras paradas, desta vez, o vice-governador José Eliton disse que a cadeia está no plano de conclusão, dependendo do esforço do prefeito e do deputado Nédio Leite para a devida liberação do licenciamento ambiental. Ou seja, assumiu que a obra realmente está estagnada.

Os recursos, quando liberados para Jaraguá, terão vigência de dois anos para seu uso, o que deve ter respaldo já em 2018, em ano de campanha eleitoral para governador.