Publicado em: sex, maio , 2014

Ônibus do Eixo Anhanguera é incendiado em Goiânia

Onibus de Goiânia
Um ônibus da empresa Metrobus, que faz a rota do Eixo Anhanguera, foi queimado por manifestantes na noite desta quinta-feira (8/5) no Terminal Praça da Bíblica, entre os setores Leste Universitário e Vila Nova. Também houve depredação de 15 veículos da linha durante o protesto, que reivindica melhor qualidade do serviço prestado diante do aumento tarifário que entrou em vigor no último sábado.

Devido ao incidente, os demais ônibus tiveram de desviar a rota e os desembarques e embarques foram feitos ao longo da Avenida Universitária, sendo que os veículos da linha do Eixo Anhanguera tiveram a circulação interrompida por completo.

Há informações de que os responsáveis por atear fogo no veículo estavam mascarados e trajavam preto, característica dos chamados Black Blocs. Houve confronto entre manifestantes e policiais militares, que usaram bombas de efeito moral. Manifestantes reagiram jogando pedras. Como os anteriores, esse manifesto foi marcado pelo Facebook.

Por meio do Twitter, a Rede Metropolitana do Transporte Coletivo (RMTC) comunicou que a manifestação popular prejudicou todo o atendimento nas regiões dos terminais Praça da Bíblia e Novo Mundo. ”Ressaltamos que a ação afeta centenas de milhares de clientes e altera o atendimento do transporte coletivo, que sofre grandes atrasos”, listou a RMTC.

Este é o segundo protesto no Terminal da Bíblia desde que o preço da passagem foi reajustado em 10 centavos. Na última quarta-feira (7) um grupo de usuários paralisou o fluxo de veículos no local após atrasos constantes dos ônibus, na ocasião, principalmente, da linha 019.

Jornal Opção

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail