Publicado em: ter, maio , 2014

Morre a soldado do Corpo de Bombeiros, Suzeli Ferreira

suzeli2
Uma pessoa que sempre salvou vidas agora precisa de ajuda para salvar a própria vida. Essa foi uma das mensagens da campanha que circulou nas redes sociais para tentar encontrar um doador de medula óssea compatível para a soldada do Corpo de Bombeiros Suzeli Ferreira de Oliveira, de 29 anos, que integrava a corporação desde 2010, em Jataí, no sudoeste de Goiás.

Ela foi diagnosticada com Leucemia Linfóide Aguda (LLA) em março de 2013. De acordo com Suzeli, não houve muitos sintomas aparentes. “Eu apenas me sentia fraca durante as ocorrências e isso foi ficando mais frequente”, havia relatado a soldado.

Campanha

suzeli3Depois que não foi possível encontrar um doador entre os parentes, cerca de 50 bombeiros de Jataí se solidarizaram com a causa e todos se cadastraram no banco de doadores de medula óssea. O exemplo dos colegas de Suzeli foi seguido em várias cidades do estado e ganhou apoio da população. “Membros da corporação em outras cidades também fizeram o cadastro e teve o apoio de policiais militares, que fizeram o teste de compatibilidade com a soldada Suzeli”, disse o tenente-coronel dos bombeiros Leonardo Rodrigues de Afonseca.

A campanha lançada pelos amigos e familiares também atingiu as redes sociais e tomou proporções que nem a própria soldado imaginava ser possível. “A cada mensagem que chega é como se fosse um passo mais próximo da cura. É o que tem me dado ânimo, ver que não estou lutando sozinha”, disse a bombeiro.

A soldada Zuzeli faleceu na manhã desta terça-feira (27). O corpo de Suzeli será velado em Jataí, onde vive sua família.

Com informações do G1